“Puxa a cadeira, senta-te e vê o meu andar


nada melhor que o strip para começar
Comprei aquela lingerie
e vou mostrar-te o melhor de mim
Hoje deixa me te satisfazer
só chego ao clímax quando te dou prazer
com a música ligada
hoje temos via verde na autoestrada
quero a tua língua como aperitivo
começa a deslizar da boca até ao umbigo
Marca o teu território com a tua saliva
quero ser o teu oásis, faz de mim tua diva
os corpos unidos, e não da como abrandar
os dois somos bandidos, não consegues parar
vou-te por doido ate o meu nome começares a gritar
ainda estamos aquecer, mas tu já conheces esse patamar
o vai e vem, dá-te prazer
mas só eu sei como te enlouquecer
hoje vou explorar o teu corpo ate o dia amanhecer
estou louca mas não estou de fachada,
sou tua ate em cima da bancada
quero descobrir todos os cantos a casa
quarto, sala, o chuveiro, e passamos na cozinha
o barulho é tanto que acordamos a vizinha
mas eu não quero saber, isto é a nossa rotina
e hoje a noite é tua e minha”

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s